consulta avançada
Brasão da PUC-Rio

Notícias

Editora PUC-Rio agora em Podcast: Som das ideias



No contexto do seu aniversário de 20 anos, a Editora PUC-Rio lança o podcast “Som das ideias”. O programa busca provocar debates que alinhem o pensamento acadêmico com as questões presentes na sociedade, em um meio dinâmico e acessível.

Cada edição trará um tema da atualidade para o debate, tendo como ponto de partida um livro publicado pela Editora PUC-Rio e, consequentemente, um autor da casa como principal participante. A ideia do programa em áudio surgiu da Editora PUC-Rio em parceria com o ECOA/PUC-Rio, com curadoria e produção do jornalista Mauro Silveira, do departamento de Comunicação Social da PUC-Rio. O programa está disponível nas plataformas Spotify, Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Ouça os episódios do Som das ideias: o podcast da Editora PUC-Rio:

#9. Mário e Alceu: Autores, amigos e antagonistas: Spotify; DeezerApple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Neste episódio do Podcast Som das Ideias, os professores Leandro Garcia e Marcos Antônio Moraes traçam um paralelo entre os dias atuais e o conteúdo das cartas trocadas entre Mário de Andrade – escritor e crítico literário – e Alceu Amoroso Lima – escritor, crítico literário, intelectual católico e um dos fundadores da PUC-Rio – entre os anos 1925 e 1944. Durante o episódio, Leandro Garcia e Marcos Moraes explicam o período histórico (Primeira Republica, Revolução de 1930 e o Estado Novo) vivido pelos intelectuais e suas divergências políticas e religiosas que marcaram o conteúdo trocado em cartas, mostrando que apesar de Mário e Alceu terem pensamentos radicalmente opostos, ambos mantiveram a amizade e o diálogo.

Leandro Garcia é mestre e doutor em Letras pela PUC-Rio, professor da UFMG e autor do livro "Correspondência Mário de Andrade e Alceu Amoroso Lima" (Editora PUC-Rio/Edusp).

Marcos Antônio Moraes é pesquisador e professor da USP e o responsável pela Coleção Mário de Andrade publicada pela Edusp.

#8. Memória e cultura judaica: Spotify; DeezerApple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Sonia Kramer, professora do Departamento de Educação da PUC-Rio, e Eliane Pszczol, coordenadora da Judaica no Museu de Arte do Rio (MAR), trazem para o debate a questão da memória e da cultura judaica, lembrando a contribuição dos judeus para a construção de uma sociedade brasileira e sua integração no Rio de Janeiro. Sonia Kramer e Eliane Pszczol são organizadoras do livro "Trajetórias judaicas: história, cultura, educação", publicado pela Editora PUC-Rio em coedição com a Numa Editora.

#7. Arte e cultura, meio século depois de 1967: Spotify; DeezerApple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Neste episódio, os professores Pedro Duarte (Filosofia/PUC-Rio) e Frederico Coelho (Letras/PUC-Rio) exploram os impactos do ano de 1967 para a cultura brasileira, as interferências de movimentos políticos e artísticos na cultura do país e refletem sobre os 50 anos que nos separam desses eventos. Este novo episódio é oferecido no contexto do lançamento do livro “1967, meio século depois”, que estará disponível em breve numa coedição entre a Editora PUC-Rio e a Editora Circuito.

#6. Conexões com a rua: Spotify; Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Com origem na Aula-Live "Conexões com a rua: Gênero e diversidades", este episódio traz o debate entre as professoras Irene Rizzini e Nilza Rogéria, ambas do Departamento de Serviço Social da PUC-Rio, sobre crianças e adolescentes em situação de rua, levantando a questão: "Seriam eles sujeitos de direitos?". Outro ponto ressaltado pelas professoras foi o tema "mulher de favela", em que trouxeram os perfis e movimentos sociais nas favelas que tiveram protagonismo feminino, trazendo a pergunta: "O que é ser mulher na favela?", abordando as políticas públicas para a população com baixa renda. Irene Rizzini é autora do livro "Crianças e adolescentes em conexão com a rua", publicado pela Editora PUC-Rio.

#5. Sartre e a política: Spotify; Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Os professores e pesquisadores Marcelo Norberto e Fábio Caprio Leite de Castro, ambos organizadores da obra "Sartre e a política", debatem sobre o conceito de liberdade para Sartre e a possível visão da democracia no mundo de hoje, a questão do feminismo para Sartre e do racismo nos século XX e XXI, além de apresentarem um panorama sobre a relação entre Sartre e o Brasil de hoje.

#4. Violência contra a mulher: Spotify; Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Luciene Medeiros, professora do Departamento de Serviço Social da PUC-Rio e autora do livro "Em briga de marido e mulher, o Estado deve meter a colher", e Rita de Freitas, professora do Departamento de Serviço Social da UFF, debatem sobre a questão da violência contra a mulher, trazendo a ideia da violência doméstica como uma das expressões da desigualdade de gênero. No debate, elas fazem um breve histórico do papel dos movimentos de mulheres dos anos 1970 até a promulgação da Lei Maria da Penha e falam sobre a relação entre a pesquisa acadêmica e a implantação de políticas públicas de proteção à mulher.

#3. O Rio e as Favelas: Spotify; Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Rafael Soares Gonçalves, professor do departamento de Serviço Social da PUC-Rio e autor do livro "Favelas do Rio de Janeiro: história e direito", e Leandro Benmergui, professor de História na Purchase College, debatem sobre a questão das favelas cariocas, suas origens, as tentativas de urbanização, as políticas públicas, as consequências de eventos como Copa do Mundo e Olimpíadas e as reverberações internacionais sobre a temática.

#2. Saúde e Espiritualidade: Spotify; Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Pe. Leonardo Agostini Fernandes (autor de "Saúde e espiritualidade"), Dr. Hilton Koch (decano do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da PUC-Rio) e Nádia Nascimento (gestora em saúde pública pela Fiocruz) debatem sobre os possíveis diálogos entre fé e ciência, principalmente no contexto da pandemia, e a questão do bem-estar espiritual como fundamental para a medicina.

#1. Escrever sem escrever: Spotify; Deezer; Apple Music; Youtube; ECOA PUC-Rio.

Leonardo Villa-Forte (autor de "Escrever sem escrever"), Júlio Diniz (decano do Centro de Teologia e Ciências Humanas da PUC-Rio) e Vera Lúcia Follain de Figueiredo (Comunicação/Letras/PUC-Rio) debatem sobre a apropriação de textos e sobre uma nova estruturação da arte de escrever, que acontece através da montagem, da edição e da reposição de trechos originais em um novo contexto, para formular um novo conteúdo.


Publicado em: 12/08/2020





Editora PUC-Rio
Endereço: Rua Marquês de S. Vicente, n° 225 - Praça Alceu Amoroso Lima, casa V (Casa Agência/Editora)
Gávea - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 22.453-900
Telefones:
55 (21) 3527-1838/1760

Endereço eletrônico:
edpucrio@puc-rio.br
Site desenvolvido pelo RDC