consulta avançada
Brasão da PUC-Rio

E-books

Marcas do homem na floresta: história ambiental de um trecho urbano de mata atlântica

Título: Marcas do homem na floresta: história ambiental de um trecho urbano de mata atlântica
Organizador:
Rogério Ribeiro de Oliveira
Número de páginas: 232
Ano de publicação: 2010
Formato: e-book
Coleção: Ciências Sociais n. 24
As ações do homem na floresta

» Download completo do livro
(ebook_marcas_homem_na_floresta.pdf - 2.499KB) 

Com o crescimento desordenado da zona oeste do Rio de Janeiro, muitos geógrafos alertam para que não se repitam erros de ocupação como os que ocorreram na encosta da Tijuca ao longo das últimas décadas. Muito mais que equívocos, as resultantes desse processo de urbanização fornecem e expõem indícios e aspectos culturais da população ocupante. Neste viés, a história não é mais olhada como a história dos indivíduos, dos grupos ou dos estados nacionais, tornando-se, enfim, uma análise dialética entre mudança ambiental e mudança cultural; surge uma nova disciplina: a história ambiental.

As marcas do homem na floresta: história ambiental de um trecho urbano de mata atlântica, publicado pela Editora PUC-Rio, faz uma análise interdisciplinar das resultantes de ocupação históricas na zona oeste do Rio de Janeiro, em especial na região do maciço da Pedra Branca e no bairro do Camorim. Revela que no período colonial, época em que a população da cidade ainda era bastante reduzida, a produção de açúcar exigiu um consumo relativamente alto de recursos florestais; traça, também, o caminho de Magalhães Correia, um dos primeiros a descrever, no periódico O Sertão Carioca, da década de 1930, a vida dos moradores dessa região; e, ainda, fala dos efeitos, para a região, da expansão desordenada de atividades econômicas agro-pastoris das últimas décadas.

O livro, organizado por Rogério Ribeiro de Oliveira, está divido em seis capítulos que, um por um, tratam das marcas deixadas por cada um dos “instrumentos” utilizados pelo homem em sua expansão territorial, tais como a enxada (no desenvolvimento da agricultura), o machado (na época dos engenhos), e a fumaça (que chega com a indústria).
____________________________________

Sobre o organizador:

Rogério Ribeiro de Oliveira é graduado em Comunicação Social na PUC-Rio, mestre e doutor em Geografia na UFRJ e o pós-doutorado na Universidade Alpen-Adria, Áustria. Atualmente é professor associado do Departamento de Geografia da PUC-Rio e membro do corpo docente dos Programas de Pós Graduação em Geografia e de Engenharia Urbana e Ambiental, da PUC-Rio.

Caso deseje ler outros e-books gratuitos, confira nosso catálogo clicando aqui.





Editora PUC-Rio
Endereço: Rua Marquês de S. Vicente, n° 225 - Praça Alceu Amoroso Lima, casa V (Casa Agência/Editora)
Gávea - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 22.453-900
Telefones:
55 (21) 3527-1838/1760

Endereço eletrônico:
edpucrio@puc-rio.br
Site desenvolvido pelo RDC